Financiamento

Cada vez mais a população brasileira, sobretudo aqueles mais conscientes da necessidade de adoção de energias renováveis, dos impactos ambientais e particularmente do potencial energético solar.

Entretanto, o valor do investimento ainda é relativamente elevado, porem se paga pela economia cerca de 5 a 8 anos, de acordo com a potência instalada e custo da tarifa de energia cobrado pela concessionária que tem tido reajustes no Brasil em torno de 20 a 25%. Por isso apresentamos as atuais linhas de financiamento voltadas para a instalação de sistemas de geração de energia fotovoltaica, que aumentam seus agentes de forma significativa.


CAIXA ECONÔMICA

– Cartão Construcard, destinada para a compra dos kits de equipamentos e acessórios

– Taxa de juros – em torno de 2,5% ao mês.

– Prazo – o projeto pode ser parcelado em até 240 vezes.

No site do banco você pode fazer uma simulação dos juros e prazos do empréstimo.


SANTANDER

– Através do Santander Financiamentos.

– Taxa de juros – varia de acordo com os valores, prazos e demais condições escolhidas pelo beneficiado. Média 1,72%  a 1,85% a.m.

– Já há uma nova linha para financiamento com juros a partir de 0,9% a,m. e prazo de 60 meses , por ora apenas para clientes.

– Prazo – o projeto pode ser parcelado em até 48 vezes, sendo o mais utilizado de 36 vezes.


BV – Banco Votorantim

Através do site https://www.bv.com.br/site/financiamento/financiamento-solar/

– Taxa de juros – 1,48% a.m. para 60 vezes

– Prazo – o projeto pode ser parcelado em até 60 vezes

– Carência – 30 dias para o pagamento da primeira parcela

BRADESCO

– Taxa de juros – Já há uma nova linha para financiamento com juros a partir de 1,8% a,m. e prazo de 60 meses , por ora apenas para clientes.

– Prazo – o projeto pode ser parcelado em até 60 vezes. Carência de 50 dias,

  • FINANCIAMENTO DE 100% DO SISTEMA (EQUIPAMENTO + MONTAGEM, PROJETO)

BNDES

– Voltado para grandes projetos de energia solar, a linha de financiamento do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES)

Ver vídeo no YouTube – https://www.youtube.com/watch?time_continue=80&v=vVGyojx_cJI

Cartão BNDES – Taxa de juros – 1,39% ao mês, para até 80% do custo da obra.

Fundo Clima 2018Máquinas e Equipamentos Eficientes – 4,55% ao ano, para até 80% do custo dos equipamentos. Prazo: 144 meses. Disponível apenas nos Bancos Públicos credenciados pelo BNDES.

https://www.bndes.gov.br/wps/portal/site/home/financiamento/produto/fundo-clima-maquinas-equipamentos-eficientes


Exclusiva para bancos públicos

Ver vídeo no YouTube – https://www.youtube.com/watch?time_continue=11&v=G8Bl_M1bnyU


BNDES – Finem – Geração de energia – 
0,9% + TLP(6,84%)+3% A.A=10,54% A.A. Financia 100% dos equipamentos. Prazo: 120 meses

BNDES – Finem – FINAME energia renovável  – 1,5% + TLP(6,84%)+3% A.A=10,61% A.A. Financia 100% dos equipamentos. Prazo : 144 meses.

 

https://www.bndes.gov.br/wps/portal/site/home/financiamento/produto/bndes-finem-energia


SICREDI / SICOOP

– A Sicredi possui uma linha especial de financiamento para energia solar para seus associados, sejam eles pessoa física ou jurídica.

– Prazo – até 120 meses

– Taxa de juros – entre 0,96%(PJ) a 0,98%(PF) ao mês


BANCO DO BRASIL

Proger Urbano Empresarial é uma linha de crédito para ampliar ou modernizar empresas.

– Prazo – até 72 meses

– Taxa de juros – variam bastante de acordo com o relacionamento que o cliente possuir com o banco

– Valor limite – R$1 milhão, limitado a 80% do projeto de investimento.

BRADESCO – LEASING AMBIENTAL

Nessa modalidade de crédito, o banco Bradesco compra as placas fotovoltaicas e as disponibiliza para a sua utilização por meio de contrato de arrendamento mercantil. No final do contrato, é possível renová-lo, ficar com o equipamento ou devolvê-lo.

– Prazo – de 26 a 60 meses, fica isenta de cobrança de IOF

– Entrada – 30% do valor do sistema